Rio de Janeiro Rio vacina pessoas de 36 e 35 anos de grupos prioritários neste sábado

Rio vacina pessoas de 36 e 35 anos de grupos prioritários neste sábado

Atendimento das duas faixas etárias continua a ser dividido em turnos nos postos de imunização da cidade

A cidade do Rio segue com o calendário de vacinação contra covid-19 do grupo prioritário, neste sábado (22), com atendimento pela manhã de pessoas com 36 anos e, à tarde, de pessoas com 35 anos. Profissionais da saúde com 18 anos ou mais também podem receber a 1ª dose do imunizante hoje.

Rio vacina pessoas de 36 e 35 anos de grupos prioritários neste
 sábado

Rio vacina pessoas de 36 e 35 anos de grupos prioritários neste sábado

Tânia Rêgo/ Agência Brasil

Os grupos prioritários incluem pessoas com comorbidades ou deficiência permanente, trabalhadores da saúde e guardas municipais envolvidos diretamente em ações de combate à covid-19 ou de vigilância das medidas de distanciamento social que estejam em contato direto e constante com o público.

Entre as comorbidades incluídas no PNI (Programa Nacional de Imunizações) estão diabetes, hipertensão grave, doença pulmonar obstrutiva crônica, doença renal, doenças cardiovasculares e cerebrovasculares, câncer e obesidade grave, entre outras.

As pessoas com síndrome de Down e doença renal crônica em diálise acima dos 18 anos também podem receber o imunizante.

Para se vacinar, é necessário apresentar as três últimas prescrições, receitas, atestados ou recomendação médica que comprovem a comorbidade.

As grávidas e puérperas com comorbidades maiores de 18 anos serão vacinadas com imunizante da Pfizer ou CoronaVac devido à orientação do Ministério da Saúde.

É necessário apresentar laudo médico detalhado justificando a recomendação e avaliação da relação risco-benefício para a vacinação, além de assinar o termo de esclarecimento.

*Estagiário do R7, sob supervisão de Bruna Oliveira

Últimas