Rio de Janeiro RJ distribui 212 mil doses de vacinas contra covid-19 aos municípios

RJ distribui 212 mil doses de vacinas contra covid-19 aos municípios

Lote foi entregue aos 92 municípios e continha imunizantes da Oxford/AstraZeneca para 1ª aplicação

  • Rio de Janeiro | Rafael Nascimento do R7 *

Entregas foram realizadas entre terça (13) e 
quarta (14)

Entregas foram realizadas entre terça (13) e quarta (14)

Divulgação/ SES

A SES (Secretaria de Estado de Saúde) realizou nestas terça (13) e quarta-feiras (14), a entrega de 212 mil doses da vacina Oxford/AstraZeneca contra a covid-19 aos 92 municípios do Estado. Toda a remessa foi destinada para primeira aplicação do esquema vacinal.

Os municípios do Rio de Janeiro e São Gonçalo fizeram a retirada dos imunizantes na terça (13), diretamente na CGA (Coordenação Geral de Armazenagem) da SES, em Niterói, na região metropolitana. Nesta quarta (14), Niterói, Itaboraí e Maricá fazem as retiradas na CGA de onde saem também os comboios de vans e caminhões para as cidades das regiões metropolitana I e II, Médio Paraíba, Serrana, centro sul e Baixada Litorânea, com escolta da Polícia Militar.

Às 8h, três helicópteros levaram as vacinas para as regiões da Costa Verde, Norte e Noroeste, sendo uma aeronave da Saúde, uma do Governo do Estado e uma do Corpo de Bombeiros.

"A cada remessa de vacinas enviada aos municípios, se aproxima o alcance da imunização coletiva. Mas, para isso, é necessário que a população retorne aos postos para a segunda dose", afirmou o secretário de Estado de Saúde, Alexandre Chieppe.

Antecipação da 2ª dose da Astrazeneca

O governador Cláudio Castro afirmou, nesta terça (13), que a decisão do Governo do Estado de autorizar todos os municípios fluminenses a anteciparem, de 12 para oito semanas, a aplicação da segunda dose da vacina Astrazeneca, foi tomada em conjunto com o Cosems (Conselho das Secretarias Municipais de Saúde). Segundo Castro, foram levados em consideração aspectos como a quantidade de doses que as cidades já têm em estoque para completar o esquema vacinal da população e a entrada de novas variantes da covid-19 no Estado.

*Estagiário do R7 sob supervisão de PH Rosa

Últimas