Rio de Janeiro RJ: grupo que furtava e receptava peças de veículos é alvo de ação 

RJ: grupo que furtava e receptava peças de veículos é alvo de ação 

Operação do MPRJ cumpriu cinco mandados de prisão e busca e apreensão contra acusados

O MPRJ (Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro), por meio do Gaeco (Grupo de Atuação Especializada de Combate ao Crime Organizado), realizou a Operação Desmonte para prender cinco pessoas acusadas de integrar associação criminosa armada que realizava furtos e receptação de peças de veículos, nesta quinta-feira (23).

MPRJ faz operação contra grupo criminoso

MPRJ faz operação contra grupo criminoso

Divulgação/MP-RJ

O material era acautelado em um antigo depósito do Detro (Departamento de Transportes Rodoviários do Estado do Rio de Janeiro) em Mesquita, na Baixada Fluminense. A investigação apurou que o grupo criminoso retirava as peças dos veículos e as repassava clandestinamente para diversos receptadores.

As peças eram jogadas para fora do depósito por cima de um muro ou colocadas em mochilas e bolsas, de forma que não pudessem ser visualizadas por outros funcionários do estabelecimento.

A associação criminosa usava armas de fogo para realizar cobranças de clientes que adquiriam as peças desviadas. Cinco pessoas foram denunciadas à Justiça pela prática de associação criminosa, sendo que quatro delas também por furto qualificado e uma por receptação qualificada.

De acordo com a denúncia, um dos acusados tinha a função de fazer a retirada de peças e outro atuava como intermediário nas negociações. Dois funcionários trabalhavam como vigia e porteiro para facilitar a saída do material do depósito.

O grupo também contava com um segurança que foi flagrado portando uma arma de fogo com registro vencido.

A operação teve apoio da CSI/MPRJ (Coordenadoria de Segurança e Inteligência) e os cinco mandados de prisão e busca e apreensão foram expedidos pela Vara Criminal de Mesquita.

*Estagiário do R7, sob supervisão de PH Rosa

Últimas