Rio de Janeiro RJ: Produtora de videoclipe é investigada por ligação com tráfico

RJ: Produtora de videoclipe é investigada por ligação com tráfico

Operação da Polícia Civil teve como objetivo apurar a origem dos armamentos usados em gravações. Produtora alega que são réplicas

  • Rio de Janeiro | Isabela Afonso, do R7*, com Rael Policarpo, da RecordTV Rio

Uma produtora de videoclipes localizada no bairro de Santa Luzia, em São Gonçalo, na Região Metropolitana do Rio, é investigada pela Polícia Civil por envolvimento com o tráfico. Os policiais da 72ªDP (Mutuá) estiveram na sede para cumprir mandado de busca e apreensão na manhã desta terça-feira (24). A ação teve como objetivo apurar a origem dos armamentos utilizados em gravações.

Mensagem em clipe informa que conteúdo é cinematográfico

Mensagem em clipe informa que conteúdo é cinematográfico

Reprodução

De acordo com os agentes, a produtora alegou que as armas são réplicas. Porém, não foi apresentado nenhum documento que comprovasse o aluguel.

As investigações também vão apurar de quem são os carros usados nos clipes e qual a origem do dinheiro usado para financiar as gravações.

"Chamou a atenção da nossa equipe a exaltação ao crime, criminosos que já morreram, lideranças atuais. Esses protagonistas ostentavam armas de fogo, curtas e longas, carros de luxo. A nossa investigação tem como finalidade apurar se essas armas de fogo são réplicas ou armas reais e qual a origem desses veículos utilizados", disse o delegado Allan Duarte à Record TV Rio.

Caso fique comprovado que as armas não são réplicas, os envolvidos podem ser indiciados por associação ao tráfico, porte ilegal de arma de fogo de uso restrito, apologia e incitação ao crime.

*Estagiária do R7, sob supervisão de Bruna Oliveira

Últimas