Rio de Janeiro RJ tem dois casos suspeitos de feminicídio em 24 horas

RJ tem dois casos suspeitos de feminicídio em 24 horas

Adolescente de 17 anos foi morta em Campo Grande, na zona oeste, e mulher de 21 anos foi assassinada em Belford Roxo, na Baixada Fluminense

Jovem de 21 anos foi morta com três tiros em Belford Roxo

Jovem de 21 anos foi morta com três tiros em Belford Roxo

Record TV Rio

Ao menos dois casos suspeitos de feminicídio foram registrados na capital do Rio e na Baixada Fluminense nas últimas 24 horas.

Na noite da última quinta-feira (5), a jovem Hevelyn da Sant'Anna Rosa de 17 anos foi morta com um tiro na cabeça em Campo Grande, na zona oeste do Rio. Ela chegou a ser socorrida para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento), mas já chegou sem vida.

De acordo com informações do Cidade Alerta RJ, o principal suspeito do crime é um ex-companheiro, que é ligado à milícia. A vítima deixou um filho de um ano e meio. A DHC (Delegacia de Homicídios da Capital) investiga o caso.

Na mesma noite, Luisa Helena, de 21 anos, foi assassinada com três tiros, sendo dois na cabeça, dentro de casa em Belford Roxo, na Baixada Fluminense, após uma discussão. 

Em entrevista à Record TV Rio, o pai da vítima, Julio Cesar da Silva, contou que o suspeito é o companheiro de Luisa.

"Ele pegou o filho mais novo deles e foi até a casa da mãe. Ele disse que tinha estragado a própria vida", afirmou.

Segundo a família, o suspeito tinha um histórico violento, o que levou à separação do casal. No entanto, eles haviam reatado o relacionamento há cerca de quinze dias.

*Estagiária do R7, sob supervisão de Bruna Oliveira

Últimas