Rio de Janeiro Suspeito de esfaquear e atirar em ex-esposa é preso no Rio

Suspeito de esfaquear e atirar em ex-esposa é preso no Rio

Homem foi encontrado em uma casa em Santa Cruz, onde foi detido; Nathalia segue internada em estado grave

Nathalia foi baleada e esfaqueada pelo marido e está em estado grave

Nathalia foi baleada e esfaqueada pelo marido e está em estado grave

Record TV Rio

A Polícia Civil prendeu o homem suspeito de atirar e esfaquear a ex-mulher na zona oeste do Rio. Nathalia Maria da Silva, de 29 anos, está internada em estado grave no Hospital Municipal Albert Schweitzer desde terça-feira (14).

Segundo a polícia, o mecânico estava escondido em uma casa em Santa Cruz, na zona oeste, quando foi detido.

Nathalia estava separada do ex-companheiro há cerca de um ano, mas o homem não aceitava o término.

Há duas semanas, ela teria comunicado ao ex que estava conhecendo uma nova pessoa, e a partir daí, os dois tiveram uma discussão. Logo depois, ele começou as agressões.

Luciana Maria da Silva, mãe de Nathalia, disse em entrevista à Record TV Rio que chegou a alertar a filha sobre o comportamento do ex-marido.

"Ele [ex-marido] mantinha as crianças trancadas. Batia nela e a gente não sabia. Ela vem sofrendo abusos dele durante muito tempo. Eu lutei para ela separar. Eu via a agressividade nele".

A irmã da vítima afirmou que, durante um dos episódios de agressão, o homem bateu na avó de Nathalia. "Há duas semanas, ele agrediu ela [Nathalia]. Entrou na casa e agrediu [também] a minha avó, uma senhora de 65 anos, na frente das minhas filhas".

Policiais foram até o hospital para ouvir a vítima. O caso é investigado pela 33ª DP (Realengo).

Últimas