Rio de Janeiro Trecho da Primeiro de Março fecha a partir deste sábado para obras do túnel Rio 450

Trecho da Primeiro de Março fecha a partir deste sábado para obras do túnel Rio 450

Durante os 20 dias de interdiçao, seis linhas de ônibus terão pontos finais alterados

Tráfego será desviado para avenidas Presidente Vargas e Rio Branco

Tráfego será desviado para avenidas Presidente Vargas e Rio Branco

Divulgação

A partir deste sábado (17), a rua Primeiro de Março será interditada no trecho entre a avenida Presidente Vargas e a rua Visconde de Inhaúma, no centro do Rio. O fechamento será necessário para conclusão das obras do Túnel Rio 450. A interdição vai durar 20 dias.

Os veículos que trafegam em direção a praça Mauá, Niterói ou avenida Brasil devem desviar pelas avenidas Presidente Vargas e Rio Branco. Além disso, seis linhas de ônibus terão os pontos finais alterados para as mesmas avenidas. 

Estabelecimentos comerciais terão acesso pela avenida Presidente Vargas, avenida Rio Branco, rua Visconde de Inhaúma, rua da Candelária e rua Teófilo Otoni.

Linhas de ônibus com pontos finais alterados

— Para a avenida Presidente Vargas:

146 D  Maricá x Candelária

578 D  Ponta Negra x Candelária (via Manoel Ribeiro)

590 R  Ponta Negra x Candelária (via Boqueirão)

Itaipuaçu x Candelária (direta)

— Para a Avenida Rio Branco

100 D Niterói x Candelária

101 D Niterói x Candelária

Túnel Rio 450

Batizado pelo prefeito Eduardo Paes em homenagem ao aniversário de 450 anos da cidade que será celebrado em 2015, o Túnel Rio 450 vai operar em sentido único do Centro para a Rodoviária Novo Rio e terá capacidade de tráfego de 55 mil veículos por dia.

O túnel faz parte dos 3,5 km que compõem a via Binário do Porto, primeira grande obra do Porto Maravilha entregue em novembro de 2013. Paralela à avenida Rodrigues Alves, a via tem três faixas por sentido e várias saídas para a distribuição interna do trânsito na Região Portuária.

Últimas