Rio de Janeiro Vacinação contra gripe para público geral começa nesta quarta (14)

Vacinação contra gripe para público geral começa nesta quarta (14)

Rio estendeu calendário até agosto; meta é imunizar 2,2 milhões de pessoas na capital fluminense até 30 de agosto

  • Rio de Janeiro | Da Agência Brasil

Faixa etária vai de seis meses a 60 anos

Faixa etária vai de seis meses a 60 anos

Fabio Rodrigues Pozzebom/ Agência Brasil

A campanha de vacinação contra a gripe foi estendida até 30 de agosto para o público de seis meses de idade a 60 anos na cidade do Rio de Janeiro.

A partir desta quarta-feira (14), quem estiver nesta faixa pode receber o imunizante nas unidades de atenção primária como as Clínicas da Família e Centros Municipais de Saúde.

O atendimento, por faixa etária, é de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. A meta da prefeitura é imunizar 2,2 milhões de pessoas.

A Secretaria Municipal de Saúde orienta que é necessário respeitar o escalonamento para evitar aglomerações nos postos. Conforme o calendário, de hoje a 28 de julho serão vacinados contra a gripe quem tem de seis meses a 17 anos. Entre 21 e 30 de julho, será a vez da faixa de 51 a 60 anos. De 28 de julho a 10 de agosto, de 41 a 50 anos. Entre 10 e 18 de agosto, serão atendidas pessoas de 31 a 40 anos, e de 18 a 30 de agosto, de 18 a 30 anos.

Divulgação/ Secretaria Municipal de Saúde

Idosos

Até a última terça-feira (13), a campanha vacinou exclusivamente os grupos prioritários que são os idosos a partir de 60 anos; crianças de seis meses a cinco anos; gestantes e mulheres até 45 dias após o parto; indígenas e quilombolas; pessoas com comorbidades ou deficiência permanente; trabalhadores da saúde e da educação; caminhoneiros e trabalhadores do transporte coletivo e de longo percurso; portuários; população privada de liberdade, adolescentes sob medidas socioeducativas e funcionários do sistema prisional; forças de segurança e salvamento e forças armadas.

As pessoas desses grupos que ainda não se vacinaram contra a gripe também podem procurar os postos para receber o imunizante. Quem tomou ou ainda vai receber a primeira ou a segunda dose da vacina contra a covid-19, precisa respeitar o intervalo de 14 dias entre as imunizações para as duas doenças.

Últimas