Rio de Janeiro Vídeo flagra agressão de seguranças contra homem em loja no Rio

Vídeo flagra agressão de seguranças contra homem em loja no Rio

Vítima foi atacada com puxões, tapas e pontapés após agressores desconfiarem de furto. Suspeitos já foram identificados pela polícia

  • Rio de Janeiro | Mariene Lino, do R7*

Clientes flagraram agressão em estacionamento

Clientes flagraram agressão em estacionamento

Reprodução

A Polícia Civil abriu um inquérito nesta quarta-feira (19) para investigar um vídeo em que um homem aparece sendo agredido por dois seguranças de uma rede atacadista em Jacarepaguá, na zona oeste do Rio de Janeiro.

Os suspeitos do crime já foram identificados e intimados a prestar depoimento na 32ª DP (Taquara).

Leia mais: Megaoperação tenta encontrar cemitério clandestino no RJ

Imagens registradas por clientes mostram a vítima sendo atacada com puxões, tapas e pontapés no estacionamento da loja na última terça (18). No vídeo, o homem não reage e grita para não ser agredido no rosto.

Em nota, a rede Assaí Atacadista confirmou que um dos agressores é prestador de serviços e foi desligado. Já o segundo integra o quadro de funcionários da empresa e foi afastado dos trabalhos até o fim das investigações internas.

Ainda segundo a loja, os seguranças interceptaram uma suposta tentativa de furto por uma pessoa armada com duas facas, mas ressaltou que a atitude agressiva dos funcionários não se justifica.

Leia mais: RJ: mulher compra celular pela internet e recebe caixa de leite

A delegada responsável pelo caso, Carolina Salomão, afirmou que, no caso de um flagrante, os seguranças deveriam ter garantido a integridade física do jovem detido, já que ele se encontrava completamente dominado.

A titular da 32ª DP esclareceu ainda que a hipótese inicial é de que as imagens divulgadas retratariam a prática de crime de tortura, que pode ser punida com pena de dois a oito anos de reclusão.

* Estagiária do R7, sob supervisão de Bruna Oliveira

Últimas