São Paulo Anonymous invade site do governo para apoiar protesto do Movimento Passe Livre

Anonymous invade site do governo para apoiar protesto do Movimento Passe Livre

Grupo de hackers tirou página da Secretaria da Educação do ar e publicou mensagens de apoio

Anonymous invade site o governo para apoiar protesto do Movimento Passe Livre

O grupo de hackers Anonymous invadiu na madrugada desta quinta-feira (13) o site da Secretaria Estadual de São Paulo para apoiar protesto do Movimento Passe Livre contra o preço das passagens de ônibus, trem e metrô.

“Exigimos a redução da tarifa! Os supostos representantes devem ouvir a vontade do povo. Basta de políticos inócuos! Estamos acordados! Seus dias de fartura estão contados!”, escreveu o grupo na página inicial do site, que continuava fora do ar até o momento.

Pouco antes da 1h20, a mensagem do Anonymous foi retirada do ar. O site da Secretaria de Educação informava nesse horário que estava em manutenção e que retornaria em breve.

Ministério Público deve enviar hoje pedido para autoridades suspenderem aumento de tarifa de ônibus

Vídeo flagra momento em que repórter é agredido por grupo de policiais durante protesto em SP

O protesto

O centro da capital paulista deve parar novamente, nesta quinta-feira (13), quando acontece mais um protesto contra o aumento das passagens do transporte coletivo em São Paulo. Organizado pelo  Movimento Passe Livre, o ato terá concentração às 17h, na frente do Teatro Municipal de São Paulo.

Esta será a quarta grande manifestação contra o aumento. O grupo já fechou a  Radial Leste, Consolação, 23 de Maio, 9 de Julho, Paulista, Rebouças, Faria Lima e marginal Pinheiros em protestos anteriores.

Oitenta e cinco ônibus foram danificados durante último protesto contra aumento da passagem

Prejuízo do Metrô após protestos passa de R$ 100 mil

Com o lema “Se a tarifa aumentar, a cidade vai parar! Todo aumento é uma injustiça! Por uma vida sem catracas!”, o grupo reuniu cerca de 12 mil pessoas durante o terceiro protesto realizado nesta terça-feira (11) no centro de São Paulo, segundo estimativa de Policiais do BPTran (Batalhão de Trânsito).

O grupo Anonymous invadiu também o site da PM de Goiás, em que diversas informações privadas foram divulgadas.

Assista ao vídeo:

    Access log