Coronavírus

São Paulo Apenas 7 de 551 postos de saúde de SP têm 2ª dose da AstraZeneca

Apenas 7 de 551 postos de saúde de SP têm 2ª dose da AstraZeneca

Segundo plataforma da prefeitura paulistana, 98% dos postos estão sem o imunizante para concluir o esquema vacinal

  • São Paulo | Letícia Dauer e Laura Lourenço, da Agência Record

Imunizante está em falta em quase toda a capital paulista

Imunizante está em falta em quase toda a capital paulista

Reuters

Quase todos os postos de vacinação na cidade de São Paulo estão sem o imunizante AstraZeneca para a segunda dose contra a covid-19, nesta quinta-feira (9). Até as 11h45, 544 dos 551 dos postos em funcionamento na cidade registraram falta de doses, segundo a plataforma “De Olho na Fila”, da prefeitura de São Paulo.

O site, conhecido como "filômetro", acompanha o movimento nas unidades, e a disponibilidade das vacinas para a segunda dose em tempo real.

Estão aguardando o reabastecimento do imunizante AstraZeneca 129 postos na zona leste, 140 postos na zona sul, 92 na zona norte, 32 na zona oeste e 10 no centro da capital paulista. Além disso, 18 drive-thrus, 26 postos volantes, 18 mega-postos e um parque também registraram falta da vacina.

Segundo o levantamento da reportagem, cerca de 98% dos postos de vacinação na capital estão sem a AstraZeneca para segunda dose.

A Secretaria Municipal de Saúde afirmou, por meio de nota, que aguarda a entrega de novo lote pelo Ministério da Saúde. A pasta ainda disse que devido à alta adesão por parte da população, nestes últimos dias, com aplicação de mais de 200 mil doses da vacina diariamente, pode ocorrer falta de alguns imunizantes na rede.

Confira o posicionamento da prefeitura de São Paulo na íntegra:

A Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), informa que, devido à alta adesão por parte da população, nestes últimos dias, com aplicação de mais de 200 mil doses da vacina antiCovid diariamente, pode ocorrer falta de alguns imunizantes na rede.

A Pasta recebe nesta quinta-feira (9), do Governo do Estado, 254.556 doses da vacina Pfizer e 128.510 da Coronavac. Em relação a AstraZeneca, a SMS aguarda a entrega pelo Ministério da Saúde.

Para garantir a vacinação nos territórios e resolver eventuais desabastecimentos por conta da alta procura em algumas regiões, a SMS realiza o remanejamento entre as unidades do município.

Até esta quarta-feira (8), a capital aplicou 15.409.368 doses, sendo 9.874.108 primeiras doses, 5.200.428 segundas doses e 321.565 doses únicas. A cobertura vacinal para população acima de 18 anos está em 104,8% para primeira dose ou dose única e 59,8% para segunda dose ou dose única.

Em adolescentes de 12 a 17 anos, foram aplicadas até o momento 550.036 primeiras doses, representando cobertura vacinal de 65,2%.

Últimas