São Paulo Após reclamação sobre pernilongos, caminhões pulverizam rio Pinheiros

Após reclamação sobre pernilongos, caminhões pulverizam rio Pinheiros

Moradores de Pinheiros, bairro da zona oeste paulistana, fizeram um abaixo-assinado pedindo ações do poder público para resolver o problema

  • São Paulo | Do R7

Caminhões da Emae (Empresa Metropolitana de Águas e Energia), do Governo de São Paulo, realizaram processo de pulverizaração da margem leste do rio Pinheiros, nesta segunda-feira (14), contra a infestação de pernilongos e mosquitos, que incomodam moradores da região há pelo menos duas semanas.

Moradores de Pinheiros, bairro da zona oeste paulistana, fizeram um abaixo-assinado pedindo ações do poder público para a resolução do problema.

De acordo com a Prefeitura de São Paulo, o Portal de Atendimento da gestão municipal já recebeu 526 reclamações sobre mosquitos apenas nas duas primeiras semanas de setembro, ante 221 em todo o mês de agosto. Em julho foram realizadas 331 solicitações.

Já no começo de setembro, moradores relavatam que o número de pernilongos na região havia aumentado de forma assustadora, embora o período estivesse a meses do verão.

A ação do Governo do Estado também retirou mais de 12 mil toneladas de resíduos do rio Pinheiros, em um investimento de R$ 1,7 bilhão para a despoluição do local.

Caminhões pulverizam o famoso "fumacê" contra os mosquitos

Caminhões pulverizam o famoso "fumacê" contra os mosquitos

Reprodução

Últimas