São Paulo Após serem mantidos em gaiolas, 30 cães são resgatados na zona sul 

Após serem mantidos em gaiolas, 30 cães são resgatados na zona sul 

Dono dos animais morreu e atual cuidadora alega agressividade. Cachorros devem ser para canis particulares em Peruíbe e Bauru (SP)

  • São Paulo | Elizabeth Matravolgyi, da Agência Record

Mais de 30 cães são resgatados em más condições de vida em casa de SP

Mais de 30 cães são resgatados em más condições de vida em casa de SP

Reprodução Google Street View

Após serem mantidos em gaiolas, 30 cães da raça pit bull e um golden retriver foram resgatados de uma casa localizada na alameda dos Tupiniquins, número 1334, no Planalto Paulista, zona sul de São Paulo. O dono do criadouro morreu há 30 dias e deixou os animais aos cuidados de sua irmã.

Leia mais: Além de feridos, cães encontrados em rinha em SP eram assados

Um dos pit bulls morreu na tarde de ontem pelas más condições em que estava. Alguns pit bulls devem ir para um canil particular em Peruíbe e a outra metade irá para Bauru. O cão da raça golden retriver vai permanecer em São Paulo.

Segundo informações da ONG Projeto Vida Pit&BullS, a irmã do homem não conseguira cuidar dos cachorros, pois eles estariam agressivos. Dessa maneira ela os manteve em cinco gaiolas.

Leia mais: Polícia prende mais de 40 em rinha de cachorros na Grande SP

A mulher procurou a ONG Projeto Vida Pit&Bulls para que eles possam ser resgatados e encaminhados para outros locais em que possam ser atendidos. Neste domingo (23), um grupo de voluntários e veterinários deve ir até o local para resgatar os animais.

Últimas