São Paulo Atendimento para Covid-19 continua predominante em hospitais de SP, mostra estudo

Atendimento para Covid-19 continua predominante em hospitais de SP, mostra estudo

Pacientes com coronavírus representam 55% da assistência prestada no período. Números superam os do mês anterior

  • São Paulo | Da Agência Brasil

Pesquisa ouviu 87 hospitais privados do estado de São Paulo

Pesquisa ouviu 87 hospitais privados do estado de São Paulo

Reprodução/Record TV

Uma pesquisa do SindHosp (Sindicato dos Hospitais do Estado de São Paulo) mostra que o atendimento predominante em hospitais paulistas continua sendo o de pacientes com Covid-19.

De acordo com o levantamento divulgado nesta terça-feira (13), que ouviu 87 hospitais privados do estado de 1º a 10 de dezembro, os atendimentos de pacientes com o coronavírus representam 55% da assistência prestada no período. Esse número era 49% em novembro.

A pesquisa mostra ainda que 95% dos hospitais ouvidos registraram aumento no número de pacientes com suspeita de Covid. No mês passado, a taxa era 84%.

“Os casos de pacientes com suspeita de Covid-19 cresceram em relação ao mês anterior, mas evoluem sem gravidade, não necessitando de internação hospitalar. No entanto, ratificamos a necessidade de que a população use máscara em locais com aglomerações e mantenha o protocolo de segurança à saúde com a lavagem de mãos e cumpra o calendário de vacinação especialmente neste período de festas, pois há tendência de aumento da doença”, destaca o médico Francisco Balestrin, presidente do SindHosp.

Últimas