São Paulo Atirador deixa cinco mortos e se suicida em São Vicente (SP)

Atirador deixa cinco mortos e se suicida em São Vicente (SP)

De acordo com a Polícia Civil, cinco membros da mesma família morreram. A esposa e um ex relacionamento do atirador seguem internadas

Homem se suicida e mata mais quatro pessoas em São Vicente, em SP

Homem se suicida e mata mais quatro pessoas em São Vicente, em SP

Reprodução/Record TV

Um homem é apontado como responsável por atirar contra a companheira no início da manhã desta quinta-feira (5), na Vila Jockei Clube e Humaitá, em São Vicente, no litoral de São Paulo. Depois, o suspeito foi para a casa de uma mulher com quem já havia se relacionado, e também atirou contra ela e outros quatro membros da família dela.

Leia mais: Deputados brigam durante sessão extraordinária na Alesp

De acordo com as informações iniciais, apuradas pela Record TV, os cinco familiares não resistiram aos ferimentos. Já a companheira dele, que teria sido a primeira atingida, foi socorrida e está hospitalizada. Após os crimes, o atirador cometou suicídio.

De acordo com a Polícia Militar, a corporação foi acionada por volta das 6h20 para atender uma ocorrência por disparos de armas de fogo no bairro de Humaitá. Um homem teria chegado de moto na casa onde vivia e disparado contra a atual companheira, que foi encaminhada a um hospital em estado gravíssimo.

Na sequência, segundo a Polícia Militar, ele teria recarregado a arma e ido até o bairro do Vila Jóquei Clube. Neste local, ele atirou contra mãe e filha, duas crianças e um adolescente de 14 anos. No corredor da casa, ele teria encontrado um idoso que também foi baleado.

Após os disparos, o homem teria utilizado mais uma vez a moto para retornar ao primeiro endereço, no bairro do Humaitá, onde se matou. De acordo com a PM, entre o primeiro e o segundo chamado, houve um intervalo de, no máximo, 30 minutos.

No primeiro local, uma mulher chegou a ser socorrida e, no segundo endereço, quatro pessoas morreram e apenas o adolescente foi levado ao hospital. Não há informações sobre o estado de saúde do jovem.