Ausência de funcionários causa aglomeração em agência da Caixa

De acordo com testemunhas, existia uma única fila em que idosos, gestantes e responsáveis com crianças de colo não tinham preferência

Algumas pessoas chegaram durante a manhã e foram embora sem atendimento

Algumas pessoas chegaram durante a manhã e foram embora sem atendimento

Divulgação/ Agência Record

Dezenas de pessoas se aglomeram em frente a uma agência da Caixa Econômica Federal localizada na Estrada de Itapecerica, no Jardim Amália, no Capão Redondo, zona sul de São Paulo, na manhã desta segunda-feira (10).

A maioria das pessoas que aguardava na fila utilizava máscara, mas muitas não respeitavam o distanciamento social de dois metros.

De acordo com uma testemunha, que aguardava desde às 9h, após ter passado boa parte da manhã aguardando o atendimento,  ela e os demais clientes foram avisados apenas por volta das 13h que havia somente um funcionário prestando atendimento dentro da agência.

Quando questionado sobre o fechamento da agência, um dos funcionários informou que o atendimento seria feito apenas até as 14h e que, após esse horário, as pessoas que estivessem na fila teriam que retornar no dia seguinte.

Ainda de acordo com testemunhas, existia uma única fila em que idosos, gestantes e responsáveis com crianças de colo não tinham preferencia. Algumas pessoas que chegaram no período da manhã e aguardaram na fila até as 14h foram embora sem atendimento.

Em nota, a Caixa afirma que "vem adotando diversas medidas para melhorar a segurança de todos os clientes, colaboradores e parceiros no contexto da pandemia de Covid-19".

O banco afirma ainda que as unidades realiza atendimento presencial no interior das agências apenas em caso de serviços sociais essenciais e que adota o controle de fluxo de clientes nas salas de autoatendimento, sendo permitida a entrada de 1 cliente por máquina, por vez.

A nota informa ainda que "vem sendo efetuada sinalização/delimitação dos pisos externo das agências, para organização de filas com o devido distanciamento, para manutenção do afastamento social". 

De acordo com a Caixa, todas as pessoas que comparecerem às agências no período compreendido entre 8h e 14h serão atendidas no mesmo dia - elas recebem senhas e, mesmo com as unidades fechando às 14h, o atendimento continua até o último cliente.

A Caixa orienta aos clientes que usem o aplicativo Caixa Tem e os canais alternativos, loterias e correspondentes bancários, para os clientes que já podem sacar ou transferir o crédito do Auxílio Emergencial ou do Saque Emergencial do FGTS.