Novo Coronavírus

São Paulo Bom Prato servirá refeições grátis a pessoas em situação de rua

Bom Prato servirá refeições grátis a pessoas em situação de rua

Cerca de 15 mil pessoas cadastradas por prefeituras paulistas terão direito à gratuidade durante os próximos 60 dias, afirma secretária

  • São Paulo | Do R7

Bom Prato serve refeições para viagem desde o início da pandemia

Bom Prato serve refeições para viagem desde o início da pandemia

Bê Caviquioli/Futura Press/Folhapress - 25.5.2020

Todos os 59 restaurantes Bom Prato no estado de São Paulo vão oferecer refeições gratuitas a pessoas em situação de rua a partir da próxima segunda-feira (1º), afirmou o governador João Doria nesta sexta-feira (29). O investimento do estado será de R$ 2 milhões. 

"Anunciamos aqui a gratuidade para pessoas em situação de rua. 15 mil pessoas previamente cadastradas pelos municípios que possuem os restaurantes Bom Prato receberão um cartão QR code ou cartão do município e, por 60 dias, até 31 de julho, poderão fazer essas refeições de forma gratuita", explicou a secretária de Desenvolvimento Social, Celia Parnes.

No dia 30 de março, o governo já havia anunciado que o Bom Prato passaria a servir três refeições por dia — café da manhã (R$ 0,50), almoço e jantar (R$ 1) — para que as pessoas pudessem ter acesso à alimentação durante o período da pandemia.

Os restaurantes, no entanto, estão fazendo as refeições para viagem, em embalagens descartáveis, exceção que foi aberta devido ao atual momento.

O horário de atendimento também foi ampliado para evitar aglomerações, sendo os cafés da manhã das 7h às 9h, almoços das 10h às 15h e jantares das 17h30 às 19h, ou enquanto houver refeições disponíveis.

Além da gratuidade do Bom Prato, o governador destacou que famílias em situação de pobreza e extrema pobreza vêm recebendo cestas do Alimento Solidário.

Últimas