'Brasil precisa estar unido para vencer a crise', diz Doria

Governador de SP participou de reunião virtual convocada por Bolsonaro para discutir ações de ajuda aos Estados de combate ao coronavírus

Doria participou de reunião virtual

Doria participou de reunião virtual

Divulgação

O governador de São Paulo, João Doria, afirmou nesta quinta-feira (21) que o "Brasil precisa estar unido para vencer a crise". 

Doria participou de reunião virtual com outros governadores, convocada pelo presidente Jair Bolsonaro, para falar sobre o apoio aos Estados no combate ao coronavírus. 

No início do encontro, Bolsonaro anunciou que vai sancionar o socorro a Estados e municípios, mas, em troca, pede o congelamento do salário dos servidores estaduais até o fim de 2021.

O clima da conversa entre Doria e Bolsonaro foi amistoso. O governador de São Paulo parabenizou o presidente pela forma como a reunião estava sendo conduzida e Bolsonaro agradeceu às considerações feitas por Doria. 

Doria: 'Sem solidariedade, seremos obrigados a adotar lockdown'

O governador pediu a Bolsonaro que a primeira parcela de ajuda aos Estados seja depositada até o dia 31 de maio deste ano, devido à urgência provocada pela pandemia. 

"Nosso foco é proteger os brasileiros", disse Doria, complementando que "quem perde são os mais pobres e mais humildes". 

O governador finalizou sua participação na reunião pedindo por união. "Vamos pelo Brasil e vamos juntos, que é o melhor caminho, é a melhor forma de vencer a pandemia".