São Paulo Câmara Municipal aprova Eduardo Tuma como conselheiro do TCM-SP

Câmara Municipal aprova Eduardo Tuma como conselheiro do TCM-SP

Presidente da Casa, o vereador tucano teve aprovação por 50 votos favoráreis e nenhum contrário em sessão realizada nesta quarta-feira (9)

  • São Paulo | Do R7

Vereador Eduardo Tuma (PSDB) foi infectado pelo coronavírus em outubro

Vereador Eduardo Tuma (PSDB) foi infectado pelo coronavírus em outubro

Divulgação

A Câmara Municipal de São Paulo aprovou, na tarde desta quarta-feira (9), com 50 votos favoráveis e nenhum contrário, a indicação do vereador Eduardo Tuma (PSDB) à vaga de conselheiro do TCM-SP (Tribunal de Contas do Município de São Paulo).

Leia também: Veja quem são os 55 vereadores eleitos em São Paulo

Tuma irá assumir a vaga do conselheiro Edson Simões, que anunciou a aposentadoria. O PDL (Projeto de Decreto Legislativo) 68/2020 foi promulgado logo após o término da sessão pelo 1º vice-presidente da Câmara, Milton Leite (DEM).

Leia também: Tratamento de Bruno Covas contra câncer é eficaz, dizem médicos

“Eu levo daqui e de vocês um pouco da forma que eu aprendi a pensar e a ver o mundo. São oito anos em um relacionamento diário. Falo com muita sinceridade e agradeço demais cada um de vocês, tanto os funcionários quanto os vereadores”, disse Tuma em trecho do discurdo publicado pelo site da Câmara de Vereadores paulistana.

Eduardo Tuma ocupa uma cadeira no Legislativo paulistano desde 2012 e, em novembro deste ano, foi reeleito para a terceira legislatura consecutiva. Nos próximos dias, o vereador deverá deixar a presidência da Casa, renunciar ao mandato de parlamentar e se desfiliar do PSDB para não ter vínculo político.

TCM-SP

O colegiado do TCM-SP é formado por cinco conselheiros. Um dos principais objetivos do órgão é fiscalizar a gestão dos recursos públicos da capital paulista.

Últimas