São Paulo Chuva alaga ruas, derruba árvores e provoca alerta em São Paulo

Chuva alaga ruas, derruba árvores e provoca alerta em São Paulo

Subprefeitura do Campo Limpo, na zona sul da capital, monitora risco de transbordamento do córrego Pirajuçara

  • São Paulo | Do R7

Chuva em São Paulo

Chuva em São Paulo

Foto: RONALDO SILVA/FUTURA PRESS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

A chuva que atingiu a cidade de São Paulo e a região metropolitana voltou a deixar pessoas e veículos ilhados nesta sexta-feira (22). Na capital, a região da subprefeitura do Campo Limpo entrou em estado de alerta entre 16h40 às 17h37, por conta da iminência de transbordamento do córrego Pirajuçara, na estrada do Campo Limpo, segundo o CGE (Centro de Gerenciamento de Emergências). 

Choveu granizo em Pirituba, no Horto Florestal e no Tremembá, na zona norte da capital, e em Carapicuíba, na Região Metropolitana. No município de Osasco, os bombeiros foram chamados para atuar em uma inundação na rua Estrada das Rosas, na altura do número 405. 

Alagamento na avenida Presidente Altino, em Osasco

Alagamento na avenida Presidente Altino, em Osasco

Reprodução/Record TV

Houve 20 chamados de queda ou iminência de queda de árvores nas regiões do Grajaú e do Morumbi, na zona sul da capital, e nas cidades de Osasco, Cotia, Carapicuíba, Guarulhos e Vargem Grande Paulista.

Na capital, a zona norte, o centro e a Marginal Tietê entraram em estado de atenção para alagamentos às 16h13. As zona oeste, sudeste, sul e a Marginal Pinheiros às 15h36. A situação se normalizou às 17h37.

Às 18h45 ainda chovia fraco na região da subprefeitura do Tremembé. As próximas horas seguem sem previsão de chuvas significativas na capital.

Últimas