São Paulo Clientes da Enel SP devem atualizar cadastro para manter benefício

Clientes da Enel SP devem atualizar cadastro para manter benefício

Beneficiários da Tarifa Social devem fazer a renovação dos dados junto ao Cadastro Único, para não perderem o desconto

  • São Paulo | Do R7

Cortes passam a ocorrer a partir deste mês, para clientes inadimplentes

Cortes passam a ocorrer a partir deste mês, para clientes inadimplentes

Cesar Conventi/ Fotoarena/ Estadão Conteúdo

Clientes da Enel em São Paulo devem realizar a atualização dos dados cadastrais para manterem ativo o programa de Tarifa Social. A empresa pede que os usuários compareçam em alguma unidade do Cras (Centro de Referência e Assistência Social), nas prefeituras municipais, para a realização da atualização dos dados do Cadastro Único. Esse recadastramento deve ser feito obrigatoriamente a cada dois anos ou em casos de mudança de endereço, por exemplo.

Segundo a Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica), após cruzamento de dados, as famílias que não estiverem com os dados atualizados perderão o benefício, baseado na Resolução Normativa nº 414, de 09/09/10. Famílias não localizadas na base de dados do Ministério do Desenvolvimento Social também podem perder o benefício.

Novos cadastros

De acordo com a empresa, em São Paulo, cerca de 685 mil clientes contam com a Tarifa Social, que concede descontos de até 65% na conta de energia para famílias de baixa renda. Para quem ainda não conta com o benefício, é possível agendar horário para atendimento presencial, no site da Enel.

Para a realização do cadastro, é necessário que o cliente tenha em mãos o CPF e um documento original com foto. Famílias com renda mensal igual ou inferior a meio salário mínimo, têm direito ao benefício. Assim como famílias com até três salários mínimos de renda mensal e que tenham moradores com doença crônica, cujo tratamento necessite de equipamentos que dependam de energia elétrica. Idosos ou pessoas com deficiência que tenham renda familiar de até 1/4 do salário mínimo, por pessoa, também podem solicitar o desconto.

Retomada dos cortes

A empresa atenta os beneficiários da Tarifa Social, que os cortes já foram retomados. Por conta do novo coronavírus, a Enel não realizou cortes de clientes inadimplentes durante a pandemia. O prazo era para julho de 2020, mas foi prorrogado e se encerrou no final de dezembro. O cliente também pode negociar o débito com a empresa e parcelar o valor, e pode ser feito pelo portal de negociação da Enel.

Últimas