São Paulo Com estoque crítico, hemocentro de São Paulo pede doações de sangue

Com estoque crítico, hemocentro de São Paulo pede doações de sangue

Com apenas 30% do necessário para atender mais de 100 unidades de saúde, cidade necessita urgentemente de doações de sangue

  • São Paulo | Do R7

Tipos de sangue O+, O-, A-, AB-, B+ e B- são os que mais necessitam de reabastecimento.

Tipos de sangue O+, O-, A-, AB-, B+ e B- são os que mais necessitam de reabastecimento.

Pixabay

Os estoques do Hemocentro de São Paulo, estão em estado crítico e é urgente a necessidade de doação, de acordo com dados atualizados pela Fundação Pró-Sangue na quinta-feira (12). As reservas operam com apenas 30% da capacidade.

O tipo AB+ é o único com abastecimento estável. Os tipos O+, O-, A-, AB-, B+ e B- são os que mais necessitam de reabastecimento. O tipo A+ tem uma quantidade razoável em estoque, mas está em estado de alerta.

A Pró-Sangue enfatiza que as bolsas de sangue são distribuídas para mais de 100 unidades de saúde da rede pública da região metropolitana de São Paulo.

Últimas