São Paulo Covid: SP tem 230 mil crianças inscritas para vacinação em 24h

Covid: SP tem 230 mil crianças inscritas para vacinação em 24h

Governo estadual anunciou abertura do pré-cadastro nesta quarta-feira (12). Vacinação começará assim que doses da Pfizer chegarem

  • São Paulo | Do R7

Criança é vacinada contra Covid-19 na Holanda

Criança é vacinada contra Covid-19 na Holanda

Robin van Lonkhuijsen/EFE/EPA - 22.12.2021

O estado de São Paulo recebeu pouco mais de 230 mil cadastros de crianças para vacinação contra Covid-19 nas 24 horas seguidas ao anúncio do governador João Doria (PSDB) de abertura do pré-cadastro da faixa etária de 5 a 11 anos nos postos de vacinação. Nesse período, o governo também contabilizou 324 mil acessos à plataforma Vacina Já.

A plataforma foi desenvolvida pela gestão para agilizar o atendimento nos postos de saúde. O cadastro é opcional, e não é um agendamento. Os interessados em cadastrar os filhos devem acessar o link (https://www.vacinaja.sp.gov.br/), clicar no botão "Crianças até 11 anos" e preencher o formulário online.

O estado deverá começar a imunizar as crianças assim que receber as doses da vacina da Pfizer contra Covid-19, produto aprovado em 16 de dezembro pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) para ser aplicado nessa faixa etária. Na capital paulista, a previsão é que a vacinação comece na próxima segunda-feira (17).

O primeiro lote do imunizante, com 1,2 milhão de doses, chegou na madrugada desta quinta-feira (13). A expectativa é que sejam entregues 4,3 milhões de doses pediátricas no mês de janeiro, mais 7,2 milhões em fevereiro e 8,4 milhões em março. Para as crianças, o esquema vacinal prevê duas doses com intervalo de oito semanas.

A imunização de crianças não será obrigatória no Brasil, diferentemente de todas as outras imunizações infantis previstas pelo PNI (Programa Nacional de Imunização). Caberá aos pais ou responsáveis dar o aval para a aplicação.

Últimas