São Paulo Deputada Isa Penna pede sessão na Alesp para analisar caso de assédio

Deputada Isa Penna pede sessão na Alesp para analisar caso de assédio

Em dezembro, o deputado Fernando Cury (Cidadania) foi flagrado colocando a mão na lateral dos seios da parlamentar do PSOL

Agência Estado
Deputada Isa Penna pede sessão extraordinária para Alesp analisar caso de assédio

Deputada Isa Penna pede sessão extraordinária para Alesp analisar caso de assédio

Reprodução/TV Alesp

A deputada estadual Isa Penna (PSOL) apresentou na semana passada um requerimento em que solicita a convocação de uma sessão extraordinária na Alesp (Assembleia Legislativa de São Paulo), ainda neste mês, para analisar o caso de assédio envolvendo o deputado Fernando Cury (Cidadania). Em dezembro do ano passado, durante uma sessão, Cury foi flagrado colocando a mão na lateral dos seios da parlamentar.

Neste domingo (10), o Conselho de Ética do Cidadania emitiu um relatório em que recomenda a expulsão de Cury do partido. A decisão final cabe ao diretório nacional do partido.

Em dezembro, a Procuradoria da Alesp afirmou que o Conselho de Ética só poderia se reunir durante o recesso se a maioria absoluta dos deputados da Casa (48) e o presidente Cauê Macris (PSDB) entendessem que o julgamento é "urgente" e de "interesse público".

Até agora, Isa tem o apoio de 18 deputados para antecipar a análise do caso. Entre os que concordaram estão Janaína Paschoal (PSL), Leci Brandão (PCdoB), Delegada Graciela (PL) e Major Mecca (PSL). Além dos 18 deputados, devem assinar a requisição toda a bancada do PT - composta por dez parlamentares.

Procurado nesta segunda (11), Cury afirmou que não iria comentar.

Últimas