Novo Coronavírus

São Paulo Dois milhões de marmitas são entregues em SP durante pandemia

Dois milhões de marmitas são entregues em SP durante pandemia

Iniciativa dos Direitos Humanos teve início no começo da pandemia, em abril de 2020, e distribuiu 2.010.075 refeições

Cerca de 42 pessoas fazem a entrega diária das refeições

Cerca de 42 pessoas fazem a entrega diária das refeições

Reprodução

Passou a marca de dois milhões o número de marmitas distribuídas pela prefeitura de São Paulo durante todo o período de pandemia do novo coronavírus. Atualmente, 88 cozinhas participam do projeto Rede Cozinha Cidadã da SMDHC (Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania), iniciado em 23 de abril de 2020. Até este domingo (24), 2.010.075 marmitas foram distribuídas.

A iniciativa também ajuda os produtores e donos de estabelecimentos impactados pela pandemia. Os restaurantes recebem dez reais por cada marmita feita. Estão diretamente envolvidas no processo de produção das refeições 1.500 pessoas, entre proprietários, gerentes, ajudantes de cozinha, cozinheiros e nutricionistas dos estabelecimentos.

Uma equipe de 42 pessoas faz a entrega diária das refeições, sendo 27 motoristas credenciados do transporte escolar municipal, que ficaram sem trabalho devido à interrupção das aulas presenciais no período, e 15 ajudantes contratados.

A distribuição das marmitas acontece nas regiões da Sé, Mooca, Lapa, Vila Mariana, Santo Amaro, Pinheiros e Santana, tendo como base o último censo da população em situação de rua da cidade (Censo PopRua 2019). A distribuição das marmitas é feita de segunda a segunda e feriados, a partir das 11h30.

Últimas