São Paulo Duas crianças mentem para os pais e morrem afogadas em lago em SP

Duas crianças mentem para os pais e morrem afogadas em lago em SP

Vítimas de 10 e 11 anos disseram que iam para piscina e foram nadar em área privada. Não houve tempo para resgate dos amigos 

  • São Paulo | Marcos Rosendo, da Agência Record

Crianças se afogaram em lago artificial que fica dentro de uma empresa em Cidade Tiradentes

Crianças se afogaram em lago artificial que fica dentro de uma empresa em Cidade Tiradentes

Reprodução / Record TV

Duas crianças de 10 e 11 anos morreram afogadas em um lago artificial na Estrada da Vaquejada, em Cidade Tiradentes, na zona leste de São Paulo, na noite desta segunda-feira (15).

Os dois meninos eram amigos e mentiram para os pais, segundo a polícia. Eles contaram para a mãe que iriam brincar na piscina de plástico na casa de um colega. Autorização dada, os garotos seguiram para um lago que fica em uma propriedade privada, pertencente a uma pedreira. O local fica isolado.

Havia chovido na região e o lago estava cheio. Os amigos se afogaram e morreram no local. As roupas e chinelos dos meninos foram encontrados ao lado de um tronco à beira do lago.

Objetos foram deixados perto do lago

Objetos foram deixados perto do lago

Reprodução / Record TV

O resgate chegou, mas os dois já estavam mortos. Os bombeiros tiveram dificuldade para resgatar um dos corpos, que estava no fundo do lago.

A perícia foi acionada. Os corpos não tinham sinais de agressão, mas a polícia solicitou exames necroscópicos.

O caso foi registrado no 53º DP, no Parque do Carmo.

Últimas