São Paulo Duas vítimas de explosão em posto estão internadas em estado grave

Duas vítimas de explosão em posto estão internadas em estado grave

Uma delas é o condutor da carreta que explodiu. Ele está na UTI de um hospital em Limeira. No acidente, uma pessoa morreu

  • São Paulo | Do R7, com informações da Record TV

Duas vítimas de explosão em posto estão internadas em estado grave

Duas vítimas de explosão em posto estão internadas em estado grave

Reprodução/Agência Record

Dois motoristas que ficaram feridos na explosão em um posto de combustível às margens da rodovia Washington Luís, em Rio Claro, no interior paulista, continuam internados em estado grave, porém o estado de saúde é estável. As informações são da Record TV.

Uma das vítimas é o condutor da carreta que explodiu e transportava óleo vegetal. Ele está na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) de um hospital em Limeira, cidade vizinha.

O outro motorista está hospitalizado em Rio Claro. No total, o acidente deixou 21 feridos, sendo que Jovino Rocha de Andrade, de 42 anos, morreu nesta quinta-feira (1º). Ele tentou ajudar o motorista da carreta incendiada. As demais vítimas tiveram alta médica.

A Polícia Civil apura agora o que provocou a explosão. O resultado da perícia deve ser conhecido em até 30 dias. Também são analisadas imagens de câmeras de segurança. É feito ainda um levantamento do número exato de veículos danificados. 

A explosão se alastrou por cerca de dois quilômetros, causando danos em telhados, lajes, portas e janelas de vidros e metais de edifícios e casas. Ela foi ouvida em um raio de 15 km do epicentro.

Segundo o capitão do Corpo de Bombeiros, André Elias, o incêndio teria começado na roda de um dos caminhões, mas foi se alastrando rapidamente até atingir a carreta carregada com produto inflamável.

O caso foi registrado como incêndio, dano e explosão no plantão de Rio Claro. O 1º DP (Distrito Policial) da cidade abriu um inquérito para investigar o acidente.

Últimas