São Paulo Em SP, empresário humilha PM em condomínio de luxo: 'você é um lixo'

Em SP, empresário humilha PM em condomínio de luxo: 'você é um lixo'

Ivan Storel pediu desculpas aos policiais e alegou ter agido por efeito de álcool e remédios. Empresário vai responder a um inquérito por desacato

  • São Paulo | Do R7, com informações da Record TV

Ivan Storel vai responder a inquérito por desacato

Ivan Storel vai responder a inquérito por desacato

Reprodução

O empresário Ivan Storel, de 49 anos, humilhou policiais militares durante uma ocorrência em um condomínio de luxo em Barueri, na Grande São Paulo. Ele ofendeu os policiais com palavrões, chamou eles de "lixo" e disse que "enquanto um PM ganhar R$ 1 mil por mês, ele ganha R$ 300 mil".

Foi a esposa do empresário que chamou a polícia depois de ser ameaçada de morte pelo marido. Storel foi levado para a delegacia, prestou depoimento e foi liberado. Ele gravou um vídeo tentando se desculpar. Assim como 80% das mulheres que sofrem violência doméstica, depois de registrar o boletim de ocorrência, a mulher do empresário desistiu de dar continuidade ao caso. Mas ele vai responder por desacaro à autoridade policial, crime que prevê detenção de seis a dois anos, ou multa.

O advogado da família disse que o empresário passou por uma cirurgia recente e que houve um curto causado pela combinação de remédios e álcool.

No registro da ocorrência feito na delegacia, consta que o empresário havia bebido o dia inteiro e ofendeu a mulher com xingamentos, além de ameaçá-la.

Ele também ameaçou os policiais militares que foram até sua casa atender a ocorrência.

"Não pisa na minha calçada. Não pisa na minha rua. Eu vou te chutar na cara, filho da... Eu vou te chutar na cara. Não pisa na minha calçada. Você é um lixo, seu merda."

Os policiais, um cabo e uma soldado, mantêm a calma e só observam o descontrole e a agressividade do empresário. Ele continua as ofensas.

"Sabe por que? Porque você é um bosta, você é um merda de um PM que ganha mil reais por mês. Eu ganho 300 mil por mês. Eu quero que você se... , seu lixo!"

O empresário entra na casa agitado e fala ao telefone. Ele não aceita conversar com os policiais.

"Você não me conhece. Você pode ser macho na periferia, mas aqui você é um... Aqui é Alphaville, mano. E aí? Sobe aqui. Quero ver se você é macho de subir aqui. Você vai ver o processo que você vai responder na sua vida!"

Quando o empresário foi informado que seria trazido para a Delegacia de Defesa da Mulher, voltou a ficar agressivo e teve que algemado pra entrar na viatura. Em depoimento, disse que tudo não passou de uma briga de casal. Negou ter agredido e ameaçado a esposa. E disse não se lembrar de ter ofendido os policiais.

Storel foi detido por ameaça, violência doméstica e injúria.

O advogado da família disse que a esposa decidiu não formalizar denúncia porque entende que o marido está doente e precisa de tratamento psiquiátrico. Também afirmou que ele vem sendo um ótimo pai e marido.
 

Últimas