Coronavírus

São Paulo Escolas da rede municipal de SP se preparam para abrir nesta segunda

Escolas da rede municipal de SP se preparam para abrir nesta segunda

Antes mesmo do retorno dos alunos, sindicatos de professores da rede decretaram greve contra a volta das atividades

Estudantes da rede paulistana poderão retornar para sala de aulas nesta segunda (15)

Estudantes da rede paulistana poderão retornar para sala de aulas nesta segunda (15)

Eduardo Knapp/Folhapress

As aulas presencias em São Paulo voltam nesta segunda-feria (15) na maioria das escolas da rede muncipal. De acordo com a Prefeitura de São Paulo, mesmo com a greve de parte dos profissionais de educação, as aulas estão confirmadas e acontecerão de forma híbrida -presencial e online.

Antes mesmo do retorno dos alunos, sindicatos que representam os professores da rede decretaram greve contra a volta das atividades. A decisão foi tomada após reunião virtual realizada na segunda-feira (8). Uma parte dos profissionais já não trabalha desde quarta (10), quando estava prevista a volta das atividades presenciais de planejamento.

No entanto, na sexta-feira (12), o prefeito Bruno Covas (PSDB) reforçou que as escolas estão preparadas para receber os alunos e profissionais de educação com segurança. Segundo a prefeitura, todas as escolas de ensino municipal seguem um protocolo de limpeza rigoroso para a volta às aulas presenciais.

Além da higienização constante, apenas 35% dos alunos retomarão as atividades nas unidades de ensino e que as salas de aula serão utilizadas em sistema de rodízio. Um comitê também foi criado para acompanhar o retorno e monitorar possíveis casos de covid-19 em cada unidade escolar e determinar a continuidade das aulas presencias ou não.

Escolas fechadas

As aulas presenciais ocorrerão em 3,4 mil escolas da rede, mas cerca de 530 escolas que tiveram rompimento do contrato para serviço de limpeza pelas prestadoras de serviço continuarão fechadas na capital. As atividades serão realizadas de forma online e voltarão a atender os estudantes nos locais nos dias 22 de fevereiro e 1º de março.

De acordo com a prefeitura, essas unidades ainda estão passando por reformas ou ajustando seus contratos de limpeza para seguirem os novos protocolos de higienização. Os alunos dessas unidades terão aulas online a partir de amanhã e devem retornar presencialmente na segunda-feira (22).

Últimas