São Paulo Governo de SP impõe retorno dos servidores ao trabalho presencial

Governo de SP impõe retorno dos servidores ao trabalho presencial

Exceção são os funcionários que apresentam fatores de risco e ainda não foram completamente imunizados contra a covid-19

  • São Paulo | Isabelle Gandolphi e Mariana Rosetti, da Agência Record

Governo de SP determina retorno dos servidores ao trabalho presencial

Governo de SP determina retorno dos servidores ao trabalho presencial

Marcelo Camargo/Agência Brasil

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), determinou o retorno ao trabalho presencial de todos os servidores públicos do estado de São Paulo da administração direta e autárquica. A exceção são "aqueles que apresentarem fatores de risco definidos pelo Centro de Vigilância Sanitária da Secretaria da Saúde e ainda não estiverem imunizados contra a covid-19".

Os funcionários públicos estavam trabalhando em esquema de home office desde o dia 15 de março de 2020, por causa da pandemia do novo coronavírus.

"Estes serão mantidos em jornada remota de trabalho, ou à disposição da administração, até que completem o esquema vacinal. As secretarias estão publicando no Diário Oficial do Estado resoluções com essa determinação, com exceção das secretarias em que o trabalho remoto está devidamente regulamentado", explicou o governo em nota.

No dia 1° de julho, a Prefeitura de São Paulo também suspendeu o trabalho remoto aos funcionários que já foram imunizados e a determinação foi publicada no Diário Oifical da Capital.

Últimas