São Paulo Grupo estoura caixa eletrônico em supermercado na zona sul de SP

Grupo estoura caixa eletrônico em supermercado na zona sul de SP

Crime aconteceu na madrugada desta quinta (20), no Grajaú, zona sul da capital. Não há informações de feridos e ninguém foi preso

Ônibus foi incendiado durante assalto

Ônibus foi incendiado durante assalto

Reprodução/Facebook

Um grupo de pelo menos 15 pessoas é suspeito de roubar dinheiro de um caixa eletrônico dentro de um supermercado no Grajaú, zona sul de São Paulo, nesta quinta-feira (20). Dois ônibus foram incendiados durante a ação do grupo.

A Polícia Militar foi acionada para atender a ocorrência por volta das 04h15. No local, dois ônibus e um carro, modelo Fiat Pálio, foram incendiados pelos criminosos para dificultar a chegada dos policiais. Vários estojos de munição de arma de fogo de calibre 556 e objetos perfurantes também foram espalhados pela via pública.

Dentro do supermercado, os criminosos explodiram sete caixas eletrônicos, dos quais apenas um teve o cofre estourado.

Quando os policiais militares chegaram no endereço, os envolvidos já haviam fugido. Ninguém foi preso.

De acordo com a Polícia Militar, houve disparos de arma de fogo. Uma mancha de sangue foi encontrada na via, porém a polícia não conseguiu apurar se pertencia a um dos assaltantes, e até o momento não há informações de feridos.

O motorista de um dos ônibus incendiados, Luiz Carlos Mendes, contou que estava conduzindo o coletivo quando quatro suspeitos, que estavam no Fiat Pálio, o abordaram com armas em punho.

O grupo exigiu que ele atravessasse o veículo pela via pública, além de questionar se ele tinha um isqueiro. Em seguida, mandaram o motorista descer do ônibus.

Antes da explosão dos caixas, a quadrilha também roubou o Fiat Pálio. O proprietário relatou aos policiais que duas motos de grande porte com quatro homens e outro veículo o abordaram e roubaram o seu automóvel por volta das 04h.

A Tecnologia Bancária SA, empresa responsável pelos caixas eletrônicos, ainda está apurando os valores subtraídos.

O supervisor do Supermercado Ricoy entregará na delegacia a gravação das imagens das câmeras de monitoramento do estabelecimento que filmaram parte da ação dos criminosos.

O caso foi registrado no 101º DP (Jardim das Imbuias).

Últimas