Coronavírus

São Paulo Guarulhos (SP) amplia vacinação em UBSs para atrair mais gestantes

Guarulhos (SP) amplia vacinação em UBSs para atrair mais gestantes

Cobertura vacinal de grávidas e puérperas está baixa, com apenas 17,63% das mulheres do grupo imunizadas até o momento

  • São Paulo | Laura Augusta,* da Agência Record

Guarulhos (SP) amplia UBSs para vacinar grávidas e puérperas

Guarulhos (SP) amplia UBSs para vacinar grávidas e puérperas

SAULO ANGELO/FUTURA PRESS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

Com foco em atrair mais gestantes e puérperas para a vacinação contra a covid-19, Guarulhos (SP) ampliou as UBSs (Unidades Básicas de Saúde) da cidade e, a partir de segunda-feira (28), as mulheres deste público terão 66 opções de locais para escolherem onde irão se imunizar. Antes, a vacinação para este grupo estava restrita a 19 UBSs.

A Secretaria da Saúde de Guarulhos espera, com isso, ampliar a cobertura vacinal dessa população na cidade, que está baixa, com apenas 3.009 gestantes e puérperas vacinadas até o momento. O número representa 17,63% do total de 17.065 mulheres nessas condições, estimado pelo IBGE (Instituto Brasileito de Geografia Estatística).

A ampliação dos postos de vacinação foi possível por conta da remessa de imunizantes que o município recebeu na semana passada e que pode ser usada nessa população.

Enquanto isso, a mortalidade de gestantes e puérperas em decorrência da covid-19 cresce em todo o país. De acordo com o Boletim do Observatório Covid-19 Fiocruz, divulgado no dia 4 deste mês, os óbitos maternos em 2021 já superaram o número notificado em 2020.

O levantamento indica que, em 2020, houve 544 óbitos em gestantes e puérperas por covid-19 no país, com média semanal de 12,1 mortes, considerando que a pandemia se estendeu por 45 semanas epidemiológicas naquele ano.

Até 26 de maio de 2021, transcorridas 20 semanas epidemiológicas, foram registrados 911 mortes, com média semanal de 47,9 vítimas fatais, um aumento considerad preocupante, conforme destaca o Portal Fiocruz.

Por isso, a Secretaria da Saúde convoca todas as gestantes e puérperas para comparecer aos postos e se proteger contra a ameaça do coronavírus. Aquelas que possuem algum tipo de comorbidade devem levar uma prescrição médica, já as demais precisam apresentar apenas o cartão do pré-natal ou algum exame que comprove a gestação, além de documento de identidade com foto, CPF, cartão SUS e comprovante de residência, documentos esses que são exigidos para todos os públicos.

*Sob supervisão de Letícia Dauer

Últimas