Homem é morto a tiros por policial após invadir batalhão em SP

Suspeito estava com uma arma falsa em punho e com ele a polícia diz ter encontrado uma carta de despedida. Caso vai agora para o DHPP

Homem invadiu sede do comando de policiamento na zona leste e foi morto

Homem invadiu sede do comando de policiamento na zona leste e foi morto

Reprodução / Google Street View

Um homem foi morto por um policial na tarde deste domingo (16), após invadir o Comando de Policiamento de Área Metropolitana 4 (CPA-M/4), na Vila Esperança, na zona leste de São Paulo. O Corpo de Bombeiros foi acionado, mas quando a equipe médica chegou ao local, ele já estava sem vida.

Leia mais: Dupla é apreendida após tentar roubar carro de policial em SP

Por meio da assessoria de imprensa, a Polícia Militar informou que o homem chegou em uma motocicleta, desceu e sacou uma arma. Ele teria caminhado em direção aos policiais com o capacete e a arma em punho quando foi atingido por um policial.

Ainda de acordo com a PM, depois de ter sido morto, foi verificado que a arma era falsa. Com o homem foi encontrada também uma carta de despedida.

Veja também: PM localiza fábrica de dinheiro falso e laboratório de drogas em SP

O caso foi registrado na Polícia Judiciária Militar, onde será instaurado inquérito no DHPP (Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa) da Polícia Civil.