São Paulo Homem é preso por piratear serviços de streaming e TV paga

Homem é preso por piratear serviços de streaming e TV paga

Conteúdos eram oferecidos e disponibilizados ao público através da internet, mediante o pagamento de uma mensalidade, com valores variáveis 

  • São Paulo | Elizabeth Matravolgyi, da Agência Record

Suspeito foi detido em uma residência na zona sul de São Paulo

Suspeito foi detido em uma residência na zona sul de São Paulo

Divulgação/ Agência Record

Um homem foi preso suspeito de disponibilizar conteúdos audiovisuais pirateados de streaming e programação de TV por assinatura, pela internet. Ele foi detido em uma residência rua Ayrton Senna, no bairro São Rafael, na zona sul de São Paulo, nesta quinta-feira (5).

Leia também: Corpo de Benjamim foi achado por pescadores a 50 metros da praia

A ação foi realizada por agentes da 1ª DIG (Delegacia de Investigações Gerais) do Deic (Divisões Especializadas de Investigações Criminais), da região. Segundo a polícia, o homem é criador e gestor de um aplicativo capaz de extrair conteúdo audiovisual de canais e sites oficiais.

Os conteúdos eram oferecidos e disponibilizados ao público através da internet, mediante o pagamento de uma mensalidade, com valores variáveis a depender do plano escolhido pelo consumidor.

Também foram cumpridas ordens judiciais em endereços de Ribeirão Preto e Penápolis, onde foram apreendidos diversos objetos que devem auxiliar nas investigações.

Últimas