Homem morre por suposto atropelamento no centro de SP

Corpo é encontrado na Praça da República e investigadores buscam imagens de câmeras de segurança para confirmar acidente de trânsito

Corpo de homem é encontrado sobre faixa de pedestre no centro de SP

Corpo de homem é encontrado sobre faixa de pedestre no centro de SP

Reprodução/Google Street View

O corpo de um homem foi encontrado na rua Araújo, altura da Praça da República, no bairro da República, região do Centro Histórico de São Paulo às 00h16 desta quinta-feira (23). O corpo permanece no IML Central sem identificação. Ele deve passar por exames necroscópicos ao longo do dia. Há suspeita de atropelamento. 

Leia mais: Governo de SP detalha plano para reabrir economia a partir de 11 de maio

De acordo com o 2º DP do Bom Retiro, ainda não há informações sobre a identidade do homem. O corpo do rapaz foi encaminhado ao IML Central para realização de exame datiloscópico para tentar identificação pelas digitais.

Segundo a Polícia Civil, o rapaz foi encontrado morto em via pública sobre uma faixa de pedestre, mas não há testemunha que tenha presenciado o atropelamento do homem. Existe a suposição de morte por atropelamento, mas a polícia deve vai investigar o caso.

Leia mais: Internados, bebês contraem covid-19 em hospital de São Bernardo (SP)

Os investigadores devem tentar encontrar imagens de circuitos de segurança no local da morte para confirmar que se trata de um mesmo de um acidente de transito. O caso foi registrado no 2º Distrito Policial, mas vai ser encaminhado ao 3º DP, que cobre a área, para o prosseguimento nas investigações.

Suspeita de atropelamento

De acordo com a Polícia Militar, equipes estavam em patrulhamento pela região quando foram acionados por pessoas que viram um corpo caído em cima da faixa de pedestre no endereço citado.

Leia mais: Após confissão da mãe, polícia faz buscas por corpo de Ísis Helena

Os agentes foram ao local, encontraram o rapaz e acionaram a equipe de resgate. Duas viaturas do Corpo de Bombeiros foram direcionadas e constataram a morte.

Os bombeiros trataram a ocorrência, inicialmente, como atropelamento, devido aos diversos ferimentos espalhados pelo corpo do rapaz, como fraturas nas pernas, quadril, costelas e traumatismo craniano.

Ainda segundo a Polícia Militar, não há sinais de frenagem ou peças de carro quebradas na via, o que dificulta afirmar ter sido atropelamento.

Leia mais: Prefeitura de SP e academia levam atividades físicas a Heliópolis

O corpo é de um homem que estava sem documentos, com aparentemente entre 27 e 32 anos e vestia calça jeans, tênis, camiseta branca e um moletom azul. Não foram encontradas testemunhas, mas pela região há diversas empresas com câmeras de segurança que podem ter gravado a ação.

A delegacia que atende a área é o 3° DP de Campos Elíseos, mas devido ao esquema de plantão, o caso será registrado no 2° DP do Bom Retiro.