São Paulo Homem se passa por dançarino de famosos para cometer crimes

Homem se passa por dançarino de famosos para cometer crimes

Suspeito seduzia as vítimas por apps de relacionamento, depois marcava encontro na casa delas, e cometia abuso sexual e roubo

  • São Paulo | Do R7, com informações da Record TV

Homem que se diz ser dançarino de famosos comete crimes pela internet no interior de SP

Homem que se diz ser dançarino de famosos comete crimes pela internet no interior de SP

Reprodução/ Record TV

Um homem de 21 anos que se apresenta como dançarino da cantora Anitta, é suspeito de usar as redes sociais e aplicativos de relacionamento para cometer crimes no interior de São Paulo, entre eles violência sexual e roubo.

Nas redes sociais, ele se apresenta como dançarino de famosos, professor de capoeira e modelo. Após ganhar a confiança das vítimas, segundo a polícia, ele marca um encontro na casa delas e comete os crimes.

Em entrevista ao programa Balanço Geral da Record TV, uma das vítimas relatou que o suspeito chegou a ameaçá-lo com uma tesoura e logo após tirou do bolso uma máquina para pagamento, para que ele fizesse transações com o cartão.

Uma outra vítima disse que, depois de uma longa conversa com o suspeito, abriu a porta da casa pra ele e alguns amigos. Ela conta que foi atacada dentro do quarto. "Ele foi chegando perto e já foi e me agarrou e começou a me beijar. E eu falei que não, que não queria. Só que aí eu fiquei chornado muito, muito", relatou à Record TV.

Foi encaminhado um pedido de prisão preventiva, no entanto, ainda não se sabe o paradeiro do suspeito, que está sendo procurado. A polícia acredita que ainda há mais vítimas que caíram no golpe. O caso é investigado pelo 13º Distrito Policial de Campinas.

Últimas