São Paulo Idoso é preso após tentar matar a mulher em motel da Grande SP 

Idoso é preso após tentar matar a mulher em motel da Grande SP 

Homens do Gate foram chamados para negociar com o agressor que feriu a vítima com uma faca. Após três horas, homem foi imobilizado

  • São Paulo | Edilson Muniz, da Agência Record

Policiais do Gate invadiram o local e imobilizaram o idoso, que foi preso

Policiais do Gate invadiram o local e imobilizaram o idoso, que foi preso

Reprodução / Record TV

Um pedreiro de 65 anos foi preso em flagrante após tentar matar, com um golpe de faca, a companheira de 61 anos na madrugada de segunda-feira (21), dentro de um motel, na rua Manoel Maria Fernandes, no Jardim São Judas Tadeu, em Taboão da Serra, na Grande São Paulo.

Leia mais: Polícia faz operação em SP contra grupo que rouba dados de celulares

Policiais militares encontraram a vítima com um ferimento na região do peito. A idosa contou que estava dormindo quando o companheiro, com quem teve 10 filhos, tentou agredi-la. Ela saiu correndo e o deixou no quarto.

O Gate (Grupo de Ações Táticas Especiais) foi chamado para negociar com o agressor. Após cerca de três horas de negociação, o local foi invadido e o pedreiro imobilizado. Ele foi levado ao Pronto Socorro Antena e a vítima ao Hospital Geral do Pirajussara. Os dois receberam atendimento médico e foram liberados.

Veja também: Eleições: mulheres são maioria do eleitorado paulista em 2020

A faca utilizada na ação foi apreendida. O caso foi registrado como tentativa de homicídio qualificado e tentativa de violência doméstica no 2º Distrito Policial de Taboão da Serra.

Agora a polícia quer saber se o idoso tem transtornos mentais para agir assim contra a mulher.

Últimas