São Paulo Injeção usada em policial que passou mal é do mesmo lote de hospital em que três morreram 

Injeção usada em policial que passou mal é do mesmo lote de hospital em que três morreram 

Ele está na UTI de hospital em Guaratinguetá 

Um policial militar está internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital Frei Galvão, em Guaratinguetá, cidade do interior de São Paulo, após receber uma injeção de contraste na veia para um exame de ressonância magnética. Segundo a Vigilância Sanitária de Guaratinguetá, o medicamento usado no exame veio do mesmo lote do hospital de Campinas em que três pacientes morreram no início desta semana.

O lote foi recolhido e a área de exames do hospital interditada. O policial não chegou a entrar na máquina para o exame, pois passou mal assim que recebeu a injeção. Ele

Três pacientes morreram no Hospital Vera Cruz, em Campinas, cidade do interior de São Paulo. Todos haviam realizado a ressonância magnética e também receberam o contraste. AS mortes ocorreram em um espaço de 40 minutos.

Leia mais notícias de São Paulo

Últimas