Novo Coronavírus

São Paulo Justiça determina que Cotia cumpra fase vermelha do Plano São Paulo

Justiça determina que Cotia cumpra fase vermelha do Plano São Paulo

Cidade estava entre as 20 cidades que tinham decidido não seguir as determinações e que haviam sido notificadas pelo governo

  • São Paulo | Elizabeth Matravolgyi , da Agência Record

São Paulo registrou aglomeração na vésperas das festas e voltou à fase vermelha

São Paulo registrou aglomeração na vésperas das festas e voltou à fase vermelha

RENATO S. CERQUEIRA / FUTURA PRESS / ESTADÃO CONTEÚDO - 22.12.2020

A Justiça de São Paulo determina que o município de Cotia cumpra a fase vermelha do Plano São Paulo, como foi determinado pelo governo do Estado de São Paulo. O documento foi assinado pela juíza Ana Rita de Figueiredo Nery no dia 31 de dezembro.

Leia mais: Governo de São Paulo amplia quarentena até o dia 7 de fevereiro

Na tentativa de frear o avanço da pandemia da covid-19 durante as festas de final de ano, o governo estadual determinou que todo o Estado retroceda a fase vermelha, mais restritiva do Plano SP, que determina o fechamento de todos os estabelecimentos não-essenciais, entre os dias 25 a 27 de dezembro de 2020 e entre 1 a 3 de janeiro de 2021.

Cotia estava entre as 20 cidades que tinham decidido não seguir as determinações do Estado e que haviam sido notificadas pelo Governo. A juíza Ana Rita de Figueiredo Nery, de Itapecerica da Serra, decidiu, nesta quinta-feira (31), que a Prefeitura tinha 24 horas para seguir as regras do Plano.

Segundo a decisão, o prefeito de Cotia não editou Decreto Municipal e nem mesmo se dispôs a cumprir e a fiscalizar as medidas adotadas. A decisão ocorreu após uma denúncia do Ministério Público e caso não seja cumprida o município deverá pagar uma multa de 50 mil reais.

Últimas