São Paulo Loja vendia respiradores ilegalmente no centro de São Paulo

Loja vendia respiradores ilegalmente no centro de São Paulo

Quatro aparelhos foram desviados de prefeitura da Grande SP e outros 5 não tinham nota fiscal. Local foi lacrado por falta de alvará

  • São Paulo | Beatriz Leite,* da Agência Record

Autoridades lacram loja 
na rua Vieira Martins, no Brás, por venda ilegal de respiradores

Autoridades lacram loja na rua Vieira Martins, no Brás, por venda ilegal de respiradores

Google Street View - 14.05.2021

Nove respiradores vendidos ilegalmente foram apreendidos em uma loja clandestina de materiais hospitalares na rua Vieira Martins, no Brás, centro de São Paulo, por volta das 11h50 desta sexta-feira (14). Pelo menos quatro deles foram desviados da prefeitura de Guarulhos, segundo a polícia.

De acordo com a Polícia Militar, um representante de vendas da empresa White Martins entrou em contato com a corporação e informou sobre a venda ilegal. Além dos respiradores desviados, os outros cinco não possuíam nota fiscal e o dono da loja não soube informar a procedência.

A polícia descobriu ainda que a loja não tinha alvará de funcionamento. O estabelecimento foi lacrado.

O gerente foi conduzido ao 8º Distrito Policial e poderá reponder por receptação. A Polícia Civil vai investigar o desvio dos respiradores e a procedência dos outros aparelhos.

*Sob supervisão de Letícia Dauer

Últimas