Mais de 1.500 pacientes se curaram em hospitais de campanha de SP

Administrados pela prefeitura, Anhembi e Pacaembu viram 1.556 pessoas internadas com casos menos graves de covid-19 receberem alta

Hospital de campanha do estádio do Pacaembu

Hospital de campanha do estádio do Pacaembu

Rahel Patrasso/Reuters - 31.03.2020

O número de pacientes que já receberam alta dos hospitais de campanha da administrados pela município de São Paulo chegou a 1.556 neste sábado (9), de acordo com boletim da prefeitura. Foram 1084 altas no hospital do Centro de Convenções do Anhembi, na zona norte, e 472 no Estádio do Pacaembu, na zona oeste, desde o início das operações. 

Saiba como se proteger e tire suas dúvidas sobre o novo coronavírus

Os dois hospitais somam 2 mil leitos para tratar casos menos graves da doença e desafogar o sistema de saúde municipal. Os hospitais operam de portas fechadas e só recebem pacientes transferidos de outras unidades.

Em toda a cidade, há 107.441 casos suspeitos, 27.414 confirmados e 2.242 mortes. 

A taxa de ocupação dos leitos destinados ao atendimento de pacientes com covid-19 está em 86%. Há 1.621pacientes internados na rede municipal com a doença, sendo 424 em UTIs e 349 com ventilação mecânica.