São Paulo MC Salvador da Rima é agredido e detido por PMs na zona leste de SP

MC Salvador da Rima é agredido e detido por PMs na zona leste de SP

Vídeo gravado no local da abordagem mostra policial militar enforcando o músico mais de uma vez. Confira as imagens

  • São Paulo | Guilherme Padin, do R7

Salvador da Rima aparece mais de uma vez sendo enforcado no vídeo

Salvador da Rima aparece mais de uma vez sendo enforcado no vídeo

Reprodução

O músico Salvador da Rima foi agredido e detido por policiais militares na tarde deste sábado (27) na zona leste de São Paulo (SP).

Imagens no momento da abordagem policial mostram os agentes de segurança chutando e enforcando o cantor, que aparece no vídeo com a camiseta rasgada.

Ao longo da abordagem registrada no vídeo, Salvador da Rima não oferece resistência à ação dos policiais, que imobilizam com violência outro jovem não identificado.

Veja o momento da agressão dos policiais:

Salvador da Rima foi levado pelos policiais ao 67º DP (Jardim Robru), na zona leste paulistana.

Segundo Kelly Araujo, esposa do cantor, e MC Jeh da 6, que também estava no momento da abordagem, os policiais falaram em forjar lesões para alegar que o músico havia reagido à ação.

Jeh contou que os agentes levaram o celular de Kelly, que estava com um vídeo gravado ao vivo no Instagram, e não teriam percebido que a live ainda estava acionada. "Machuca a mão aí, o rosto", diz um homem no vídeo registrado no perfil da esposa do MC.

O áudio das supostas falas dos policiais também foi registrado:

A reportagem do R7 solicitou um posicionamento sobre a abordagem ao MC à SSP-SP (Secretaria de Segurança Pública de São Paulo). A pasta disse que não houve ilegalidade na ação dos policiais que agrediram o cantor, e escreveu a seguinte nota:

A PM esclarece que, por volta das 12 horas deste sábado (27), uma equipe foi acionada para um chamado na Rua Moisés Alves dos Santos, no bairro do Itaim Paulista, zona leste da Capital. No local, os policiais constataram aglomeração de pessoas e som alto. Os PMs orientaram os participantes do evento. Um deles desrespeitou a ordem dos agentes e passou a hostiliza-los, razão pela qual foi dada voz de prisão a ele. O jovem foi conduzido ao 50º DP (Itaim Paulista), onde está sendo registrado um Termo Circunstanciado. Não houve ilegalidade na ação dos policiais, no entanto, os procedimentos serão analisados do ponto de vista técnico-operacional e administrativo. Em relação ao suposto áudio atribuído aos policiais, ele é improcedente vez que nenhum agente policial declarou no registro da ocorrência qualquer lesão sofrida durante a ação. A Polícia Militar reforça que estamos vivendo um momento crítico do contágio da Covid-19 e a população precisa respeitar as determinações dos órgãos de saúde para evitar a contaminação e preservar vidas.

Últimas