São Paulo Metrô abre licitação para conceder comércio na Linha 3-Vermelha (SP)

Metrô abre licitação para conceder comércio na Linha 3-Vermelha (SP)

Iniciativa vai abranger espaços em 16 estações da linha mais movimentada de SP. Edital deve ser publicado na terça-feira (31)

Metrô abre licitação para conceder áreas comerciais

Metrô abre licitação para conceder áreas comerciais

Divulgação / CPTM

O Metrô divulgou neste sábado (28) a licitação para a concessão de uso de espaços para exploração comercial em 16 estações da Linha 3-Vermelha.

O objetivo, segundo o Metrô, é oferecer aos passageiros novos serviços, comércios e comodidades no trajeto, mas também gerar receita à companhia. O edital será publicado na terça-feira (31).

A empresa vencedora deverá instalar novos sanitários públicos nas estações e manter os já existentes e ficar responsável pela reforma, operação e segurança das áreas comerciais. Caberá ao vencedor também a administração dos bicicletários das estações Sé, Carrão e Guilhermina-Esperança. O edital prevê a criação de áreas de apoio aos trabalhadores das estações.

Ao todo, serão concedidos cerca de 4.000 m² de espaços comerciais na Linha 3. Como previsto no edital, a empresa vai receber uma remuneração mínima mensal de R$ 2,3 milhões pela exploração dos espaços ou 55,7% da receita bruta da concessionária, prevalecendo o que for maior.

Não fazem parte desta concessão as estações Brás e Palmeiras-Barra Funda. A primeira já foi concedida e a segunda vai fazer parte de um projeto especial em conjunto com a CPTM.

A 3-Vermelha é a maior linha do Metrô de São Paulo, com 22 km de extensão para ligar as zonas leste e oeste da cidade, passando pelo centro, e conecta os passageiros a outras duas linhas de metrô e cinco linhas de trens urbanos. 

Últimas