Novo Coronavírus

São Paulo Morre na cidade de SP 1º paciente com covid à espera de leito de UTI

Morre na cidade de SP 1º paciente com covid à espera de leito de UTI

Informação foi confirmada pelo prefeito Bruno Covas nesta quinta-feira (18), o que indica colapso na rede de saúde da capital 

  • São Paulo | Joyce Ribeiro, do R7, e Daniela Salerno, da Record TV

Morre na cidade de São Paulo o primeiro paciente à espera de leito de UTI

Morre na cidade de São Paulo o primeiro paciente à espera de leito de UTI

Reprodução/Record TV

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), confirmou nesta quinta-feira (18) a morte do primeiro paciente com covid-19 na capital paulista à espera de um leito de UTI (Unidade de Terapia Intensiva), o que indica o colapso da rede de saúde na cidade.

A vítima foi um morador de São Mateus, na zona leste de São Paulo. Segundo a prefeitura, não foi por falta de atendimento, mas pela demora na transferência para uma UTI. A fila por leitos na cidade tem 395 pessoas. A taxa de ocupação das UTIs está em 88% e dos leitos de enfermaria em 81% na capital paulista.

Desde segunda-feira (15), todo o estado está na fase emergercial, com restrições ainda mais rígidas, para tentar conter a propagação do novo coronavírus. Apenas serviços essenciais podem funcionar e com horário reduzido. Também está em vigor o toque de recolher entre 20h e 5h.

Segundo o boletim epidemiológico divulgado pela prefeitura nesta quarta-feira (17), a capital paulista registra 21.376 óbitos por covid-19 e outros 7.346 estão em investigação.

Ainda de acordo com a prefeitura, 1.924 pessoas estão internadas em hospitais municipais e 141 em hospitais contratados, totalizando 2.065. A maior parte está em leitos de UTI: 1.134.  

O número de altas médicas chega a 915.084 pessoas e mais de 1,2 milhão foram vacinadas.

Últimas