São Paulo Motorista alcoolizado é preso após acidente e suspeita de racha em SP

Motorista alcoolizado é preso após acidente e suspeita de racha em SP

Dois veículos de luxo estariam acima da velocidade permitida quando ocorreu a colisão, que deixou três pessoas feridas

  • São Paulo | Vania Souza, da Agência Record

Motorista alcoolizado foi preso após acidente e suspeita de racha em Santo André

Motorista alcoolizado foi preso após acidente e suspeita de racha em Santo André

Reprodução / Record TV

O motorista de 33 anos foi preso em flagrante por embriaguez ao volante após provocar um acidente de trânsito em Santo André, na Grande São Paulo, na noite desta quinta-feira (10). Três pessoas ficaram feridas. A suspeita é de que ele estava praticando racha com outro veículo de luxo na avenida Dom Pedro II.

Segundo a Polícia Civil, testemunhas relataram que o motorista da Mercedes, de 33 anos, e outro de um Audi disputavam um racha na via. O motorista da Mercedes atingiu a traseira de outros dois carros, um Palio e um Sandero, que passavam pelo local e, na sequência, colidiu contra um poste de energia da Enel, que caiu com a força do impacto.

Ainda de acordo com as testemunhas, o Audi passou na via em alta velocidade, um pouco antes do acidente. A velocidade máxima permitida no local é de 60 Km/h.

A polícia busca por imagens de câmeras de segurança da região para encontrar o motorista do Audi, verificar se realmente se tratava de um racha e se o condutor fazia parte da corrida.

Os motoristas do Palio, do Sandero e o passageiro da Mercedes sofreram ferimentos leves. Uma das vítimas fraturou o braço e foi levada para um hospital da região. As outras duas não precisaram ser socorridas. Elas foram diretamente à delegacia, onde prestaram depoimento.

O motorista da Mercedes se recusou a fazer o teste do bafômetro, mas um exame clínico, realizado por um médico, constatou que ele estava embriagado no momento da colisão.

Testemunhas contaram que viram os motoristas do racha bebendo em um posto de gasolina, pouco antes do acidente, contrariando as recomendações do governo para conter a propagação do novo coronavírus.

O caso foi registrado como embriaguez ao volante no 1° Distrito Policial de Santo André. 

O poste danificado foi substituído e, segundo a Enel, não houve interrupção de energia no local.

Últimas