São Paulo Motorista de ônibus é demitido após atropelar moto em briga de trânsito; veja vídeo

Motorista de ônibus é demitido após atropelar moto em briga de trânsito; veja vídeo

Motocicleta ficou embaixo de pneu do coletivo depois de discussão entre entregador e o motorista do coletivo, na zona leste de São Paulo

  • São Paulo | Do R7, com informações de Nayara Paiva*, da Agência Record

Um motorista de ônibus perdeu a paciência durante uma briga de trânsito em São Paulo e jogou o coletivo em cima de uma moto na tarde desta quarta-feira (19) em Cidade Tiradentes, zona leste de São Paulo. A concessionária responsável pelo coletivo afirmou que o condutor seria demitido.

Ônibus atropela moto na zona leste de SP

Ônibus atropela moto na zona leste de SP

Reprodução/Record TV

O caso foi revelado pelo site Diário do Transporte. Imagens de uma câmera de segurança registraram o momento em que o condutor de um ônibus da linha 407N/10, que se deslocava para o Terminal Penha, tentava chegar a um ponto de ônibus na avenida Souza Ramos. Um motociclista que faz entregas por aplicativo se aproximou do vidro da janela do ônibus e ambos discutiram. Não fica claro o motivo da briga. O entregador ainda bateu com a mão na lateral do ônibus.

Na sequência, o motorista manobrou o coletivo em direção ao motociclista, que precisou sair da moto para não ser atingido. Sua moto, no entanto, ficou embaixo de um dos pneus do ônibus.

Em nota, a SPTrans repudiou o episódio e afirmou que tomou providências. Veja abaixo a manifestação da empresa municipal que administra o serviço de ônibus.

"A Prefeitura de São Paulo, por meio da SPTrans, repudia veementemente qualquer tipo de violência. A SPTrans já acionou a concessionária responsável pelo ônibus para que identifique imediatamente o condutor e tome as medidas administrativas cabíveis. O tipo de conduta demonstrada no vídeo é inaceitável e em desacordo com os padrões de qualidade e segurança de operação exigidos pela gestora.

A concessionária já informou que vai desligar o funcionário de seus quadros.

A ocorrência envolveu o coletivo de prefixo 48375, que operava pela linha 407N/10 Term. Cidade Tiradentes  Metrô Penha."

* Sob supervisão de André Carvalho

Últimas