São Paulo Paciente psiquiátrico é espancado e morto em hospital de SP 

Paciente psiquiátrico é espancado e morto em hospital de SP 

Suspeito do crime é outro paciente da ala psiquiátrica. Vítima havia sido amarrada após sofrer uma crise de abstinência de álcool e foi estrangulada 

  • São Paulo | Vania Souza, da Agência Record

Segundo funcionários do hospital, ambos eram pacientes

Segundo funcionários do hospital, ambos eram pacientes

Reprodução/ Google Maps

Um paciente é suspeito de matar outro paciente dentro da ala psiquiátrica do Hospital Municipal Tide Setúbal, na rua Doutor José Guilherme Eiras, na Vila Doutor Eiras, zona leste de São Paulo, na madrugada desta terça-feira (28).


Um deles era dependente de álcool e estaria amarrado devido a uma crise de abstinência. O outro caminhava pelo corredor e, segundo a polícial, foi até a maca da vítima, espancou o homem e, em seguida, o estrangulou até a morte.

Leia também: Polícia prende suspeito de furtar casa do cantor Seu Jorge

Ainda segundo a polícia, os pacientes estavam sem supervisão e a equipe do hospital percebeu o ocorrido depois que a vítima estava morta.

Leia também: Homem esfaqueia ex-mulher e mata novo namorado no interior de SP


O corredor foi isolado e equipes da perícia foram encaminhadas ao local. O caso ainda está sendo apurado e investigado pelo 22° DP de Itaquera, na zona leste. Em nota, o Hospital Municipal Tide Setúbal disse que, assim que tomou conhecimento da ocorrência, a direção do hospital acionou a Polícia Militar e está contribuindo com as investigações.

Últimas