São Paulo Pastor evangélico impede homem de se matar em viaduto de Jundiaí 

Pastor evangélico impede homem de se matar em viaduto de Jundiaí 

Vítima, que foi abordada na própria via urbana, tinha problemas na família e fazia uso de medicamentos controlados e, convencida, desistiu da tragédia

  • São Paulo | Do R7

Caso ocorreu em viaduto de Jundiaí, na Grande SP

Caso ocorreu em viaduto de Jundiaí, na Grande SP

Reprodução/Google Street View

Um pastor da Igreja Universal impediu um homem de 36 anos de se suicidar em Jundiaí, na Grande São Paulo, na tarde da última quinta-feira (24).

A vítima, que estava no viaduto da avenida Alceu Damião Peixoto no momento em que foi abordada pelo pastor, tinha problemas na família e fazia uso de remédios controlados.

O pastor Cristiano José da Silva conta que passava de carro pelo local quando avistou o homem e percebeu que se tratava de uma tentativa de suicídio. Silva, então, abordou a vítima e o convenceu a desistir de saltar.

Cristiano convenceu vítima a desistir da tragédia

Cristiano convenceu vítima a desistir da tragédia

Reprodução/Jornal de Jundiaí

"Eu disse a ele: 'Deus me mandou aqui para te salvar'. Ele começou a chorar. Cheguei bem perto, olhei pra baixo junto e disse: 'se você se jogasse aqui, todos os seus problemas iriam se acabar? Por que não me deixa te ajudar?", argumentou com o homem.

Segundo Cristiano, a vítima ainda relutou e disse que seria abandonado mesmo que desistisse do suicídio. "E aí eu me comprometi a acompanhá-lo", relata o pastor.

Projeto Help

Além de ser pastor da Igreja Universal, Cristiano da Silva faz parte do “Projeto Help”, programa social da Força Jovem Universal, cujo foco é no bem-estar da juventude.

Criado há três anos, o projeto tem como função o atendimento em todo o país a jovens com depressão, pensamentos suicidas e vítimas de automutilação.

Últimas