PF faz operação contra crimes financeiros em São Paulo

Grupo criminoso é suspeito da prática do crime de evasão de divisas, quando se envia dinheiro para o exterior sem declará-lo nem pagar impostos

Polícia Federal deflagra Operação Brix Zero contra crimes financeiros

Polícia Federal deflagra Operação Brix Zero contra crimes financeiros

DIvulgação/PF

A Polícia Federal fez, na manhã de hoje (26) uma operação contra um grupo criminoso suspeito da prática do crime de evasão de divisas, quando se envia dinheiro para o exterior sem declará-lo nem pagar os devidos impostos.

Leia Também: Justiça condena acusado de matar universitária ao trocar pneu em SP

São cumpridos quatro mandados de busca e apreensão, expedidos pela Primeira Vara Federal em Campinas, sendo dois deles no município de Paulínia e dois no município de São Paulo.

As investigações começaram quando as autoridades descobriram que uma empresa registrada como produtora de aguardente, com sede fiscal em Caruaru (PE), teria aberto uma conta bancária no município de Paulínia (SP) e movimentava valores incompatíveis com sua capacidade financeira.

Leia também: Grávida perde bebê após motorista de app mandar ela descer do carro

Foram verificadas grandes transações em espécie com frequência, chegando próximo ao valor de R$ 15 milhões no período investigado.

Parte considerável da quantia que passou pelas contas da empresa foi objeto de contratos de câmbio e remessas a empresas sediadas em Hong Kong e China, sob a alegação de importação de máquinas e equipamentos.

No entanto, informações obtidas no inquérito policial apontam que tais importações nunca ocorreram e que a empresa nunca registrou qualquer empregado.