São Paulo PM prende 8º suspeito de roubo de ouro no aeroporto de Cumbica (SP)

PM prende 8º suspeito de roubo de ouro no aeroporto de Cumbica (SP)

Acusado fo detido durante patrulhamento no Morumbi, área nobre da zona sul da capital paulista, na noite desta segunda-feira (1º)

  • São Paulo | Rafael Custódio e Guilherme Alves, da Agência Record

Quadrilha usou falsas viaturas da Polícia Federal para praticar roubo do ouro

Quadrilha usou falsas viaturas da Polícia Federal para praticar roubo do ouro

Márcio Neves/R7

A Polícia Militar prendeu, na noite desta segunda-feira (1), o oitavo suspeito de integrar a quadrilha que roubou ouro, no Aeroporto de Cumbica. O crime ocorreu em julho de 2019.

Policiais militares faziam uma ronda pelo Morumbi, área nobre da Zona Sul de São Paulo, quando viram dois carros saírem, em alta velocidade, de uma casa.

Em primeiro momento, os agentes acharam que fosse um assalto e perseguiram os dois carros, modelo Q7 e outro Corolla. No entanto, os perderam de vista e voltaram até a casa, para perguntar aos proprietários o que tinha ocorrido.

Uma mulher, que apresentava nervosismo, disse aos policiais que o marido era integrante de uma facção criminosa paulista e havia participado do roubo do ouro, no aeroporto de Cumbica, em julho de 2019.

A mulher disse ainda que os carros foram levados por integrantes da facção, para quem o marido devia dinheiro e se ela não o entregasse à Polícia, ele seria morto.

Os policiais, portanto, questionaram o marido que disse ter sido o "cofre" das barras de ouro, que foram roubadas pela quadrilha. No entanto, nenhuma delas estavam na residência, já que foram levadas pelos integrantes da facção, em forma de pagamento de dívidas.

Na casa, também foram apreendidos cerca de R$ 3 mil em espécie, que o preso confessou ter sido proveniente do roubo das barras de ouro.

Traficante e segundo preso

Enquanto era questionado, o homem revelou que também era traficante e mantinha drogas escondidas em uma outra casa, na rua Miguel Arnaudas, número 354, onde um suspeito foi preso, por tráfico de drogas, sem nenhum envolvimento no roubo do ouro.

Na segunda casa, os policiais militares apreenderam três quilos de maconha, separadas em dois tabletes.

Os presos foram levados ao 89º Distrito Policial do Portal do Morumbi, onde a ocorrência é registrada.

Últimas